quinta-feira, 31 de julho de 2014

Os 4 pensamentos que transformam a mente (ou que redirecionam a mente para o Darma)

Seguem minhas anotações do que Lama Padma Samten ensinou durante o retiro de inverno 2014, no CEBB Viamão, RS

1- Vida humana preciosa. Temos méritos só pelo Darma (ensinamentos budistas) nos tocar. Nascimento humano nessas condições e com essas capacidades é algo bem raro. Temos o potencial para a iluminação. (A ideia de dedicação de méritos para todos os seres ao final das práticas também visa nos mantermos com uma vida humana preciosa, em contato com o Darma, e não no reino dos deuses, por exemplo)

2- Impermanência. Todas as vantagens (ou desvantagens) no samsara não são permanentes. A morte apaga tudo. Depois de um tempo, ninguém nem lembra mais de nossa existência no samsara.

3 - Carma. Lei de causa e efeito. Colhemos o que plantamos.

4 - Sofrimento.  Decorrente do carma que plantamos nessa ou em outras vidas. Imprevisibilidade total de tudo no samsara. 

Esse pensamento causa o reforço da motivação em praticar. No CEBB, também temos a Homenagem ao Lama, que seria uma homenagem a todos os mestres que há quase 2500 anos fizeram com que o Darma chegasse até nós e o Refúgio nas 3 Joias (Buda - estado iluminado, Darma - ensinamentos e Sanga - praticantes).


3 joias



RESUMO DO LIVRO PORTÕES DA PRÁTICA BUDISTA (Chagdud Tulku Rinpoche)



introdução


- 4 pensamentos como suporte, alicerce, base - sem eles - tudo na prática é inútil e rui. ex: 15 anos praticando e com o mesmo apego, desejo, ignorância, raiva e agressividade de antes na prática, no dia-a-dia é falta de contemplar e realizar os 4P.

- precisa de um esforço para mudar - e não dar desculpas / dores / doenças para não praticar (falta da realização dos 4P) - não é falha dos ensinamentos budistas!

- vida humana preciosa e impermanência - não perder tempo -> praticar o contentamento

- contemplar o carma -> tira o apego da felicidade condicionada convencional (roda da vida girando sempre)

- 4Ps não  são ensinamentos inferiores, são o início, a base


o lama


- ajudar na intenção altruísta de sair do sonho da vida pra ajudar outros a saírem

- recordamos as qualidades do lama e rogamos que, pela força de suas bênçãos, os obstáculos de nossa prática se dissipem

nascimento humano precioso

- imensa e rara oportunidade de sair do sofrimento, tempo limitado

- só temos por acumularmos muito mérito no passado

- enorme liberdade para praticarmos


impermanência

- apegos e planos inúteis

- o q restará em cem anos?

- ninguém nunca escapou de doença, velhice e morte

- prática forte pra não perder tempo


carma

- mérito (carma positivo) exaurível (ex: dar comida a alguém com fome) e inexaurível (ajudar a todos os seres a se iluminarem)

- parar de plantar sofrimento em vez de reclamar da colheita

- evitar desvirtude, 10 ações não virtuosas

- purificar carma - om mani pedme hung - motivação/intenção mais correta: livrar todos os seres do samsara


sofrimento

- 3 tipos: 
. 1 . da mudança (impermanência) 
. 2 . que se sobrepões ao sofrimento (sofrimento mesmo - ex: dor de dente, depois algo pior)
. 3. que tudo permeia (dualidade)

- samsara como pântano pútrido. saída: renúncia. sair dos 3 venenos (3 animais no centro da roda da vida - ignorância, apego e raiva)

- ajudar outros tira o foco do nosso próprio sofrimento

3 comentários: